Photoshop – Conceituando Camadas / Layers

Um pouco da história

Líder no mercado no tocante ao tratamento de imagens para fins profissionais, o Photoshop teve sua primeira aparição em 1990.

Thomas Knoll escrevia sua tese de doutorado em 1987 quando criou o código fonte que seria o rascunho do que hoje chamamos Photoshop. Como não estava diretamente relacionado a sua tese, a colocou de lado.

Algum tempo depois seu irmão, John Knoll, encantado com a ideia, divisou seu verdadeiro potencial, levando, então, ambos a trabalhar com maior afinco para, em menos de 3 anos, vender a ideia à Adobe Systems.

Camadas / Layers

Uma das principais e relevantes caracterísiticas do Photoshop é, ao meu ver, a possibilidade do trabalho em camadas.

Em analogia simplória, comparo o uso de camadas a criação de desenhos animados de antigamente: desenhava-se em um acetato a paisagem/cenário e, em outro, os personagens em seus movimentos. Sobrepunha-se um ao outro e “click” – fotografava-se um quadro. Ao término de vários quadros, quadro a quadro, e sobreposições, criávamos o desenho que, numa certa velocidade, virava desenho animado… Acredito que muitos de nós já fizemos simulações disso nas “orelhas” de nossos cadernos… Você não fez? What a pitty… Perdeu.

Observe a imagem abaixo extraída do excelente Tutorial Working With Layers In Photoshop® do site Mike’s Sketchpad

 

psdlayer03 psdlayer01

A esquerda temos a imagem da paleta de camadas do Photoshop com suas devidas camadas nomeadas: background (fundo), photo (necessário traduzir?), shadow(sombra), palette (paleta), paint (tinta).

A direita as mesmas camadas em uma visualização 3d… Abaixo o resultado.

psdlayer02

Dizem que uma das principais dificuldades de quem inicia no Photoshop é o entendimento desse trabalho com camadas. Não sei se é verdade, sou um eterno apaixonado pelo poder das camadas do Photoshop desde a versão 4, quando comecei a me familiarizar com o software, mas se essa for a sua dificuldade, tente desenhar uma casa por partes, em várias folhas de seda que, quando sobrepostas, mostrem a casa pronta e, voilà! Esse é o mais puro conceito das “temíveis” camadas/layers do Photoshop.

 

Obs: Agradeço a ajuda de Rodrigo Ghedin quanto a grafia (e pronúncia) correta de “voilà”.

Ta-ta for now! As soon as possible I will return talking about layers! – (Desculpe mas preciso exercitar meu inglês, he, he!)

Paz e bem à todos (as)!

Anúncios

Um comentário em “Photoshop – Conceituando Camadas / Layers

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s