“Corporativês” – Jargões do mundo empresarial

Nada mais complicado do que não entender o que se fala… Segue uma pequena ajuda…

bebe_esperto[1] Approach: Abordagem

Benchmarking: Processo sistemático para melhorar processo, comparado com outras empresas.
Brainstorming: Processo de provocar idéias – Tempestade cerebral. A articulação de várias idéias sobre um assunto, sem uma estruturação. O objetivo é apenas ter e registrar essas idéias, como no processo criativo nas agências de propaganda.

Budget: Orçamento

CEO (Chief Executive Officer): Principal executivo da empresa
Coach: Treinador, orientador

Coaching: Sessões de aconselhamento feitas por um consultor de carreira que acompanha e se envolve no desenvolvimento contínuo do profissional. Serve para promover mudanças de comportamento no funcionário, para que ele atinja novos objetivos

Deadline: Data limite. Data, dia ou hora, em que alguma coisa precisa ser dada como terminada ou liquidada

Downsizing: Reduzir, diminuir, cortar

Empowerment: Autonomia e responsabilidade às pessoas na tomada de decisões;

Follow-up: Dar prosseguimento a uma discussão ou debate, retomando temas para atingir soluções. Também pode significar revisão das tarefas que foram geradas após uma reunião ou auditoria, quando os prazos para realização se esgotaram

Full time
Designa que determinada tarefa será realizada por tempo integral

Headhunter: Caçador de talentos
Housekeeping: Manutenção da ordem, limpeza, organização e segurança em uma empresa

Insight: Percepção, estalo

Júnior: 1a. escala de cargo gerencial

Know-how: Conhecimento

Mentoring:profissional mais velho, com experiência e habilidade de relacionamento, que acompanha e passa para o mais novo suas idéias sobre o trabalho e a carreira.

Networking: Rede de relacionamento

Outplacement: Recolocação de ex-funcionários
Outsourcing: Terceirizar

Resiliência: Capacidade de se recobrar facilmente ou se adaptar à má sorte ou às mudanças

Senior: Máximo grau de cargo gerencial
Stakeholders: Alta administração, conselho, parte interessada

Sinergia: Ação positiva e simultânea de um grupo de pessoas na realização de uma atividade

Skill: Habilidade

Top of mind: quando uma empresa é top of mind no seu setor, ela é a primeira que vem à mente do consumidor quando o assunto é esse determinado segmento ou tipo de produto produzido. Para a maioria das pessoas, Coca-Cola é o top of mind no ramo de refrigerantes.

TQC Total Quality Control: – Controle de Qualidade Total. Busca assegurar defeito zero
Turnover: Rotatividade de pessoal

Upgrade: Atualização
Uniqueness: As qualidades que mais se sobressaem, que refletem a missão do profissional
ASAP: As soon as possible – o quanto antes, assim que possível
e-learning: Ensino via computador (intenet ou intranet)
Feedback: Retroação/ Realimentação
Giftwork: Conceito no qual a relação entre empresa e funcionário se caracteriza pela generosidade
On the job: No dia a dia do trabalho. Ex. Treinamentos on the job – utilizar a rotina, dentro das tarefas práticas de um indivíduo.
Rapport : Do Francês – Relação. Relação de mútua confiança e compreensão entre duas ou mais pessoas. A capacidade de provocar reações de outra pessoa. Também chamado de empatia.
Workaholic: Viciado em trabalho
Workshop: Treinamento em grupo de acordo com a técnica dominada pelo instrutor.

Fontes: internet – site de buscas e, óbvio, revista VOCÊ S/A.

Anúncios

3 comentários em ““Corporativês” – Jargões do mundo empresarial

  1. Essa tradução dada para “Stakeholders” não é a tradução de “Shareholders”? Pelo que sei, Stakeholders são todos aqueles que tem relação direta com a entidade/organização, sendo impactados pelo negócio, tais como Acionistas (eles também), Comunidade, Fornecedores, Clientes, Sociedade, Empregados/colaboradores… qual seria o correto?

    1. Olá Vinicius,

      Segue definição segundo o “Portal da Administração” (www.administradores.com.br) que, acredito, pode esclarecer nossas dúvidas, de acordo com o exposto, a sua definição é mais correta e clara, obrigado:

      “Shareholders e Stakeholders

      O termo “Shareholders” significa acionistas, é um termo utilizado para designar todos aqueles que possuem parte da empresa ou da organização, é um assunto bastante direto, pois falou de shareholders já se sabe que são os acionistas. Já o termo “Stakeholders” significa “parte interessada” e é um tema pouco mais amplo que os Shareholders, foi utilizado pela primeira pelo americano R. Edward Freeman, no livro “Gerência estratégica: Uma aproximação da parte interessada” (Ptiman 1984). Como na própria tradução, dá-se a entender que Stakeholders são os componentes , meio externo, interessados na empresa, ou seja, todos que são atingidos ou atingem de forma positiva ou negativa pelas ações que a empresa vem a praticar.
      A princípio toda empresa trabalha para agradar o seu púbico alvo, ou seja, os seus consumidores. Mais uma empresa com responsabilidade social não visa somente isso, ela procura englobar em seus atos todos aqueles que vem a se influenciar, ganhado ou perdendo, pelas suas ações. São os chamados Stakeholders.
      “Responsabilidade Social Corporativa é o resultado da obrigação de uma empresa de prestar contas aos seus stakeholders sobre todas as suas atividades e operações com o objetivo de alcançar um desenvolvimento sustentável, não apenas em sua dimensão econômica, mas também nas dimensões social e ambienta ” (ALVES M. A.. 2006).”

      Abraço
      FC

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s